Leis na Micropigmentação Capilar poderão lhe proteger na hora de fazer o procedimento

Engana-se quem pensa que a Micropigmentação Capilar é um “mundo sem leis”

Para a prática de implante de pigmento na derme (dermopigmentação) temos leis que irá garantir a saúde de quem se submete ao procedimento e também os seus direitos como consumidor.

A ANVISA e Ministério da Saúde regulamenta o material usado na Micropigmentação Capilar.

O trabalho tem que ser executado com material comprado no Brasil e regulamentado.

Não acredite em quem diz ter tintas que vem da Europa, dos Estados Unidos ou de qualquer outro lugar do mundo, mas que esteja usando tinta que não seja autorizada, denuncie.

Lei da ANVISA e Ministério da Saúde regulamenta a prática e os materiais usados na Micropigmentação Capilar.

Leis na Micropigmentação Capilar

Legislação da ANVISA regulamenta o material usado no procedimento. A lei existe para proteger a saúde de quem se submete ao procedimento contra reações dérmicas perigosas.

O Código de Defesa do consumidor garante o consumidor de serviços prestados, sendo mais um suporte para quem irá se submeter ao procedimento.

Confira na “Sessão III  – art. 37 do Código de defesa do Consumidor, que fala da publicidade enganosa nos serviços prestados.

SEÇÃO III
Da Publicidade

        Art. 37. É proibida toda publicidade enganosa ou abusiva.

        § 1° É enganosa qualquer modalidade de informação ou comunicação de caráter publicitário, inteira ou parcialmente falsa, ou, por qualquer outro modo, mesmo por omissão, capaz de induzir em erro o consumidor a respeito da natureza, características, qualidade, quantidade, propriedades, origem, preço e quaisquer outros dados sobre produtos e serviços.

O art. 6º fala sobre o direito do consumidor em saber tudo que envolve o serviço oferecido. (essa lei vale pra lhe proteger contra os que dizem que é um segredo e não podem revelar a marca dos pigmentos, negando informações sobre o material que envolve a Micropigmentação Capilar)

       Art. 6º São direitos básicos do consumidor:

I – a proteção da vida, saúde e segurança contra os riscos provocados por práticas no fornecimento de produtos e serviços considerados perigosos ou nocivos;

II – a educação e divulgação sobre o consumo adequado dos produtos e serviços, asseguradas a liberdade de escolha e a igualdade nas contratações;

III – a informação adequada e clara sobre os diferentes produtos e serviços, com especificação correta de quantidade, características, composição, qualidade, tributos incidentes e preço, bem como sobre os riscos que apresentem;

IV – a proteção contra a publicidade enganosa e abusiva, métodos comerciais coercitivos ou desleais, bem como contra práticas e cláusulas abusivas ou impostas no fornecimento de produtos e serviços;

Clique no link para ver Código do Consumidor na integra

 http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/Leis/L8078.htm

Empresas e pessoas que oferecem a Micropigmentação Capilar sem um mínimo de preparo, com resultados desastrosos

Entre os  que enxergaram o Brasil o “eldorado” da dermopigmentação podemos ver  cabeleireiros, enfermeiros, médicos, esteticistas e empresários do ramo de “estética sem ética”.

Em sua maioria são pessoas e empresas despreparadas que veem nessa prática uma maneira fácil de ganhar dinheiro.

Muitas empresas se instalam no Brasil vindas de toda parte do planeta, principalmente da Europa e Estados Unidos.

São empresas estrangeiras que ignoram nossa legislação e tentam diminuir o povo brasileiro exibindo em seus textos frases como: “...o Brasil não possui  capacidade ou tecnologia para se executar esse tipo de trabalho.”

Essas empresas estrangeiras estão apresentando um trabalho que deixa a desejar, com pouco conhecimento técnico para lidar com os variados perfis do povo brasileiros.

Investem abrindo lojas pelo mundo como se fosse preciso apenas material de ponta e euro ou dólar no bolso, ignorando que o material humano, o talento artístico é a principal exigência para executar a Micropigmentação Capilar.

O Perfil do Golpista na Micropigmentação Capilar

Temos um número cada vez maior de pessoas que terminam com a cabeça manchada por causa de resultados errados na Micropigmentação Capilar.

Diante disso abordaremos esse tema que poderá servir de alerta, evitando que isso aconteça.

Quem faz pesquisa na internet procurando solução para calvície se depara com um grande número de ofertas de Micropigmentação Capilar.

São anúncios sensacionalistas com objetivo de impressionar com palavras que associam o serviço anunciado à uma super tecnologia.

Porém, muita das vezes são serviços com resultados desastrosos, sendo verdadeiras armadilhas.

Os golpistas geralmente vestem um jaleco branco e não enxergão limites para fazer concorrência desleal, visando somente o lucro financeiro

Quem faz tudo por dinheiro e não tem  capacidade fazer a Microcapilar usa frases sensacionalistas que vão além de estratégias de marketing.

Saiba diferenciar quem está querendo mostrar um trabalho de forma digna e ideológica, de quem está mal intencionado e é uma ameaça para sua saúde e estética.

Desconfie de textos e sites que exibam esses tipos de frases frequentemente usadas por charlatões:

  • “Só nós temos micro agulhas especias e exclusivas”
  • “Só nós temos um pigmento especial que não é encontrado no Brasil”
  • “Fazemos com agulhas de 70 mícrons do tamanho de unidade folicular” (Hahahaha)
  • “Os pigmentos que usamos são melhores do que as tintas” (??????)
  • “Nossos pigmentos são da Europa e foram criados especificamente para a técnica”
  • “Nossa técnica implanta pigmento na derme papilar”
  • “Somos precursores, pioneiros, inventores, professor, mestre, master training, etc.”

Além disso, oferecem cursos que são ministrados sem um mínimo de fiscalização, sem tributação e principalmente, não conseguem deixar os aprendizes aptos para executar o trabalho prometido por não serem capacitados para ensinar.

Dermopigmentação com pigmentos sem procedência e pessoas despreparadas, pode resultar em graves prejuízos pra saúde

Nas fotos, as imagens são fortes, com resultados que causaram reações alérgicas e rejeições gravíssimas.

São fotos de pigmentos implantados na sobrancelha, porém, quem realizou o trabalho garantiu que era pigmento próprio para implante subepidérmico  e se tivesse sido implantado na região do couro cabeludo teria causado danos ainda maiores para saúde.

Se executada a Micropigmentação Capilar com esses tipos de pigmentos não autorizadas o mínimo que poderá causar é uma cicatriz no couro cabeludo, onde não crescerá mais cabelos.

Não podemos ignorar que se trata do implante de corpo estranho debaixo da pele, uma substancia que irá interagir com seu organismo por um longo tempo.

A realidade é que se for implantado um pigmento sem procedência, por pessoa despreparada as consequências poderão ser graves para sua saúde.

Antes de realizar o procedimento, pergunte a procedência do material e exija saber a marca da tinta (pigmento) usada, das agulhas e biqueiras.

Saber da lei e exigir que ela se cumpra poderá lhe livrar de problemas maiores, até mesmo um câncer de pele, que um material não autorizado pode causar.

link para matéria importante sobre reações alérgicas em pigmentos

http://farmaceuticas.com.br/anvisa-discute-novas-regras-para-registro-de-tintas-de-tatuagem/

Nossa ética, profissionalismo e transparência são a sua segurança

Trabalhamos com a máxima segurança, usando somente materiais próprios para a dermopigmentação, autorizados pela Anvisa e Ministério da Saúde.

Executamos nosso trabalho com conhecimento e responsabilidade, ou seja, com conhecimento dos riscos para  sua saúde  e responsabilidade para tomar ações que lhe dê total (100%) proteção.

Nosso material  é autorizado, esterilizado,  o lacre das embalagens serão removidos na presença do cliente,  constando nelas a data de validade, número de registro na Anvisa e M. da Saúde.

Usamos proteção como: toca, máscara, luvas e avental, sendo todos descartáveis e de uso único.

Todo o material e superfície que poderá  ser tocado durante o procedimento será revestido (isolado) com plástico PVC (usado para embalar alimentos) evitando qualquer tipo de contaminação.

Ao terminar o procedimento todo o material será descartado na presença do cliente.